segunda-feira, 29 de dezembro de 2008

chau 2008


2008. Oh ano!
Nunca pensei que esse ano que se vai marcaria minha vida tão forte. Algumas coisas já faziam parte dos planos; mas me sentia covarde para realizá-las.
Não vou fazer uma retrospectiva. Não tou com saco para isso. Mas pretendo registrar em algum local os fatos que mudaram a minha vida neste ano.
Alguns já postei. Os principais, certamente.
Saio do ano feliz. Consegui umas coisas.
Saio do ano triste. Perdi uma coisa que todas as outras são dispensáveis perante ela. Perdi um relacionamento. Já falei, amiúde, aqui. Mas me marcou muito. Ainda me sinto ferido, culpado, sabe? Tudo poderia ter sido diferente... Não posso chorar o leite derramado; posso, contudo, tentar resgatar uns pingos em cima do fogão. É o que tenho feito. Ai como doi...
O que mais correspondeu ao que eu tinha projetado foi a política. Foi tudo conforme o pensado em 2007. Tudinho. Pense numa coisa... Parece até mentira, mas as coisas aconteceram como em meus sonhos apareciam. Talvez seja o sinal de que meu caminho seja este...
29 de dezembro de 2008. Hoje pela manhã acabei de ler "O preço de ser diferente" de Monica de Castro. Me fez chorar. Baixei pela net o livro. Só não terminei em um dia porque o computador é dividido com minhas duas irmãs. Ele, o livro, é mara.
Estudei pra minha monografia. Assisti "A favorita". Estou na net.
Chau 2008. Não obstante tudo poderia ter sido diferente...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Você poderá gostar também

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...